Início » Estrutura básica de um blog
Estrutura básica de um blog em formato ilustrado de wireframe

Estrutura básica de um blog

O que não pode faltar em um blog? Quais recursos um bom blog deve ter? Aqui você vai encontrar a estrutura básica de um blog de sucesso.

Primeiro, devemos colocar o usuário no centro de todas as nossas decisões. O que um visitante que encontrar no seu blog?

A experiência do usuário é cada vez mais importante e um fator determinante para um blog de sucesso.

A estrutura de um blog: recursos indispensáveis

Pra começar, vamos repetir a famosa frase do Bill Gates: “O conteúdo é rei”. No centro de qualquer estratégia de marketing que visa atrair tráfego, devemos colocar o conteúdo. Apesar da frase de 1996 ter ficado famosa, o marketing de conteúdo não é uma novidade.

Há anos, a mídia explora o conteúdo para atrair e reter a audiência: basta pensar nos canais de televisão – tem maior audiência quem tiver mais qualidade, variedade e conteúdo que interesse aos usuários.

Por isso, se você vai desenvolver um blog, invista em conteúdo de valor para os usuários; pense em conteúdo que responda às dúvidas dos leitores, que agregue aos seus conhecimentos, que seja interessante.

Ferramentas de layout

Um blog é muito mais do que um diário – é uma plataforma para distribuir conteúdo. A estrutura básica de um blog deve ter um layout padronizado, já aceito pelos leitores: uma home-page que lista os artigos, talvez uma barra lateral – dependendo da opção. O formato de grid é o mais utilizado.

Além da home-page característica e os artigos em formato de leitura visualmente agradável, há alguns outros recursos que um blog precisa ter:

  1. Menu de navegação e breadcrumbs: facilite a vida do usuário – o menu deve ser pensado de acordo com a estrutura do seu conteúdo.
  2. Categorias/Assuntos: ajude o usuário a encontrar o seu conteúdo – se ele quer ler sobre “XYZ”, permita que ele acesse este conteúdo rapidamente.
  3. Posts relacionados: ao final de cada texto, apresente outros artigos dentro do seu próprio site que possam ser de interesse do leitor – entregue mais valor.
  4. Botão de compartilhamento: facilite que os usuários possam compartilhar seus artigos.
  5. Assine seus textos (autor): crie empatia e autoridade sobre o assunto.
  6. Campo de busca: novamente, facilite a experiência do usuário para que ele encontre o que precisa dentro do seu site.
  7. Comentários: opcional, mas ajuda a criar autoridade e empatia – utilize o plugin de comentários do Facebook.

Por Lucas Riccieri

Trabalho com marketing há mais de 10 anos focado no desenvolvimento de marcas. Instagram|LinkedIn